67º Homicidio em Mossoró 2018: Vigia de Rua encontrado morto com tiros de escopeta 12 na região do Bom Jesus



A cidade de Mossoró na região Oeste Potiguar, registrou na manhã deste sábado 24 de março de 2018, mais um crime de homicídio provocado por disparos de arma de fogo.
O caso ocorreu em uma estrada de barro que dar acesso ao Sítio São Geraldo, na região do Bom Jesus, onde um vigia de rua, identificado como Carlos Danilo Tavares, 18 anos, natural de Palmeira dos Índios, no estado de Alagoas, foi encontrado morto ao lado de uma moto, com tiros no peito e na cabeça de arma tipo escopeta calibre 12.
Até o momento, não há informações sobre a motivação do crime, nem em relação aos executores. A Polícia acredita que a vítima tenha sido levada para o local, que na gíria policial chama-se levada para o cheiro do queijo, e executada ali mesmo,naquela localidade.
Além do tiro na cabeça, a perícia criminal identificou também um disparo na região do torax, todos de escopeta calibre 12. Os miolos da cabeça ficaram espalhados pelo chão.
Pela rigidez apresentada no cadáver, o perito criminal Jader Viana, acredita que o jovem pode ter sido morta por volta minutos após a meia noite de hoje. Nenhum familiar compareceu no local para reconhecimento do corpo. Policiais militares que isolaram o local de crime, comentaram que a vítima trabalhava como vigia de uma empresa de segurança motorizada, na região do Sumaré.
Após os procedimentos no local, pela equipe do ITEP e da Medicina Legal, o corpo do jovem Carlos Danilo, foi recolhido e encaminhado para necropsia no ITEP. A equipe da Delegacia de Plantão, sob o comando do Dr. Roberto Moura acompanhou os trabalhos realizados pelo ITEP.
Com mais um homicídio em Mossoró, a cidade passa a contabilizar 67 assassinatos no ano de 2018. O caso será investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). 




0 Comentários